quarta-feira, 19 de julho de 2017

ENCONTRO DA JUVENTUDE MISSIONÁRIA EM MARIANA














Cida Sá (Coordenadora Da IAMJ)


PROGRAMAÇÃO DO PAEJU EM BARBACENA

No dia 26 de Agosto a forania de Barbacena da Região Pastoral Mariana Sul irá fazer divulgação do Projeto Arquidiocesano de Evangelização da Juventude (PAEJU). O evento irá marcar a divulgação do projeto nas quinze paróquias que pertencem a Forania de Barbacena. 

Confira a programação completa:

13h00 Concentração em frente ao Santuário de Nossa Senhora da Piedade.

13h00  Início da caminhada em direção ao IFET "Instituto Federal de Educação e tecnologia"

14h30 Santa Missa com o Lançamento do Projeto para toda a Forania de Barbacena.

15h30 Lanche partilhado

16h00 Apresentações Culturais com as diversas expressões de Juventude da Forania.

18h00 Encerramento Oficial.

 Os interessados devem confirmar a presença pelo telefone: (32)3331-1151.



NOMEAÇÕES E TRANSFERÊNCIAS

Depois de ouvir o Conselho Episcopal, o Senhor Arcebispo Dom Geraldo Lyrio Rocha nomeou Pe. Glauber Rodrigo Passos Lacerda, Vigário Paroquial da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, em Cachoeira do Campo; Pe. D’Artagnan de Almeida Barcelos, Pároco da Paróquia de São Pio X, em Barbacena; Pe. Oldair de Paulo Mateus, Administrador Paroquial da Paróquia de São José, em Pedra Bonita, acumulando as funções de Pároco da Paróquia de São Domingos de Gusmão em Ribeirão de São Domingos.
http://arqmariana.com.br

PADRE MAURO VISITA A MATRIZ DE SÃO SEBASTIÃO

Aconteceu na Matriz de São Sebastião, em 16 de Julho, o 15º domingo do tempo Comum.
"A semente que caiu em terra boa é aquele que ouve a Palavra e a compreende".(Mt13,23)
Padre Mauro Lúcio, celebrante da noite, foi acolhido carinhosamente pela comunidade. Ao iniciar a celebração falou da importância de estar na Matriz e que foi uma providencia divina estar celebrando hoje, visto que no Evangelho, vamos ouvir a parábola do Semeador, plantar para colher. Em sua reflexão, questiona a comunidade: O que você está semeando na sua família, na sua vida e na sua comunidade? No Evangelho ressaltou a conversa de Jesus com os discípulos que falava em parábolas.
Ao comparar a Palavra com semente, Jesus nos mostrou que a força vital desta Palavra, exige acolhimento com fé. A semente que caiu em boa terra é aquele que ouve e compreende a Palavra.
Que tipo de fermento tem sido meu coração? Desejamos chegar a ser um bom fermento. Isso é uma trajetória, requer esforço que é auxiliado pela graça de Deus. Nos aperfeiçoamos quando chegamos à Eucaristia.
Crer em Deus, é o primeiro passo! Acreditando em Deus, vou melhorando meu terreno, buscando leituras que me aproximam de Deus. Críticas, mentiras, tornam nosso coração pedregoso. Para ser um bom terreno devemos conhecer melhor a nossa igreja. Acolhamos a semente que é a Palavra de Deus. Acolhamos com fé e obediência a Palavra de Jesus Cristo. Homenagens foram feitas ao Padre Mauro, dentre elas, vários jovens se posicionaram no altar. Ele agradeceu o carinho e se direcionou aos jovens, falando da importância de cada um deles dentro da igreja. A força do jovem faz a diferença nas pastorais. Após a celebração, demonstrações de carinho, respeito para com Padre Mauro foram demonstradas através de palmas, abraços,presentes e fotos.












 





Eliane Martin 


terça-feira, 18 de julho de 2017

ESTUDO DO PAE - COMUNIDADES SÃO DOMIGOS E SÃO LUCAS

E a Paróquia de São Sebastião continua evangelizando os líderes das Comunidades. Para encerrar a missão, Diácono Márcio, fechou a semana com as comunidades de São Lucas e São domingos.










quinta-feira, 13 de julho de 2017

NOITE DE CALDOS DO ECC


CAMPANHA DO AGASALHO 2017


COMUNIDADE AUXILIADORA

Comunidade Auxiliadora celebrou neste domingo, 9 de julho, o 14º  Domingo do Tempo Comum.
Celebração presidida pelo Cônego Tarcísio. "Aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração" (Mt 11,29)
Na reflexão desta noite, o celebrante destacou algumas palavras para serem partilhadas com a comunidade.
A primeira palavra partilhada brotou da segunda leitura da carta de São Paulo aos Romanos onde somos chamados a viver segundo o espírito e não segundo a carne,  isso significa não aderir a vida do mundo, chamada de carne, e sim a do Cristo, que ele chama de espírito. Quem se esforça a viver no espírito, este encontra a salvação. Quem vive conforme a carne, corre o risco de perder a salvação.
É preciso que nos coloquemos diante de Jesus Cristo e seu projeto de salvação. Pela fé reconhecemos a ação de Deus, somos filhos da luz, batizados e filhos de Deus. Reino da solidariedade, do amor, do perdão, do acolhimento.  Virtudes que encontramos na vida segundo o espírito. Rezemos pedindo a Deus a luz, a graça , a presença Dele em nossas vidas. Que nos assista naquilo que mais precisamos, a nossa vida é um projeto de Deus. 
A segunda palavra destacada foi a expressão que Jesus usou no Evangelho desta noite: "Aprendei de mim,porque sou manso e humilde de coração." Esta expressão retrata quem é Jesus, e de fato, nós que propomos a vivermos como Jesus Cristo, o temos como referência, Ele nos ensina a viver como o espírito. Rezemos pedindo a Deus a luz, a graça, a presença dele na sua vida.Que nos assista naquilo que mais precisamos.A nossa vida é um projeto de Deus.Aprendamos com Cristo,a mansidão e a humildade de coração,a fim de vivermos não mais segundo a carne.mas segundo o seu espírito que nos garante a vida.






Eliane Martin


ENCONTRO DO PAE - COMUNIDADE SANTO EXPEDITO

Na noite de 10 de julho, Diácono Márcio ministrou a Formação sobre o PAE ,(Plano Arquidiocesano de Evangelização) na comunidade de Santo Expedito, com a presença dos integrantes dos movimentos e das Pastorais. Ao término da formação ,aconteceu a confraternização.





Fotos: Sérgio Cabral


ENCONTRO DO PAE - COMUNIDADE AUXILIADORA

Na noite de 11 de julho, membros de pastorais e movimentos da Comunidade Auxiliadora, juntamente com o Diácono Márcio, se reuniram para Encontro do PAE (Plano Arquidiocesano de Evangelização). Projeto que visa orientar a ação evangelizadora dentro da Arquidiocese de Mariana. Iniciou-se este encontro com orações, o que nos motiva é o desejo de que o plano do PAE, seja conhecido e realizado. Encantamento por um Deus, que muito antes, se encantou por nós.
Diácono Márcio destacou: (1Cor 9,16)- "Ai de mim,se eu não anunciar o Evangelho". Temos por vocação anunciar o Evangelho, o apóstolo Paulo é o modelo de evangelizador. Diácono Márcio ressaltou a conversão de Paulo, seu encontro com Jesus Cristo e a transformação em sua vida. Somos convidados a configurar a nossa vida com a vida de Jesus Cristo. Evangelizar é anunciar o Evangelho. O PAE vem para ajudar a nos orientar, a fazer da nossa ação uma ação evangelizadora.
Diácono Márcio interagiu com a comunidade, exemplificando os tópicos apresentados com a realidade vivenciada por todos, Evangelizar, a partir de Jesus Cristo, na força do Espírito Santo, como Igreja discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra e pela Eucaristia. Após a entrega da cartilha do PAE aos membros de pastorais ,foi sugerido a leitura das Pistas de ações,para serem executadas futuramente.
Orações dirigida pelo Diácono Márcio finalizaram este encontro.




 Eliane Martin